Início Economia Café da Quibala em testes para exportação

Café da Quibala em testes para exportação

por Redação

Testes iniciados quinta-feira conduzem à colocação do café arábica produzido na Fazenda Vissolela, da Quibala, Cuanza-Sul, no mercado internacional, anunciou o sócio-gerente da companhia,Enio Miranda, em declarações à imprensa.

Os testes ocorrem sobre a colheita de30 toneladas ocorrida em Junho, na Fazenda Vissolela, devendo prolongar-se até Novembro, com incidência sobre padrões do grão que se adaptam às exigências do mercado mundial. 

Enio Miranda manifestou optimismo com esta primeira experiência, referindo que os testes deram “bons indicadores”, o que pode tornar o município da Quibala uma referência das exportações do café angolano. A previsão desta unidade agrícola, que representa um investimento de cerca de oito milhões de dólares, é colher pelo menos 150 toneladas nos próximos meses, sendo quatro por hectare.

“Ao fim de cinco anos, teremos mil hectares de café, com recurso à irrigação”, precisou o sócio gerente. Oitenta por cento da produção destina-se à exportação e 20 à comercialização no país, apontou o gestor, alertando para os “erros” que muitos fazendeiros cometem, apostando em muitas culturas, em detrimento da qualidade, rotatividade das terras e implementação de sistemas tecnológicos.

A Fazenda Vissolela prevê, entretanto, um investimento adicional de quatro milhões de dólares para a montagem de uma fábrica de descasque de café, algo que trará mais qualidade ao produto, segundo Enio Miranda. “O equipamento virá preparado especialmente para produzir café especial”, adiantou.

A Fazenda Vissolela é uma das unidades do Cuanza-Sul a serem visitadas, este mês, por um grupo de jornalistas, no quadro de um projecto denominado “Grande Reportagem, Andar o País, pelos Caminhos da Agricultura e Desenvolvimento”, organizado pela LAC.

Fonte: Jornal de Angola

Poderá também achar interessante