Início Cultura Homenagem mais que merecida a Joãozinho Morgado, o percussionista-mestre do Semba

Homenagem mais que merecida a Joãozinho Morgado, o percussionista-mestre do Semba

por Redação

A Ilha do Cabo testemunhou recentemente (04 de Março), na sede da Fundação Arte e Cultura, a homenagem ao instrumentista Joãozinho Morgado, com a realização de um concerto intitulado “Sou Eu João Morgado”, que teve música ao vivo com temas que contam com a participação do músico em questão, bem como o lançamento de um single inédito da sua autoria.

O evento contemplou uma Mesa Redonda sobre “A História Discográfica em Angola”, cujos prelectores foram: Carlos Lamartine, Gilberto Júnior e Adriano Mixinge, que abordaram os seguintes temas:

– O Rei das Tumbas Joãzinho Morgado, Joãozinho dos Tambores; História Discográfica em Angola vs Valorização dos Artistas e Perspectivas para o futuro da indústria musical em Angola.

A par do debate, e para além de João Lourenço Morgado, foram ainda homenageados outros lendários músicos do panorama nacional como Botto Trindade e Teddy Nsingui.

Com mais de 60 anos de carreira, o filho do famoso Mestre Geraldo, Joãozinho Morgado, é a principal referência da percussão em Angola, deixando a sua marca em vários sucessos nacionais e internacionais.

Criou um padrão de tocar Semba que hoje é seguido por vários instrumentistas. Por isso, a sua importância na música angolana é consderada inegável. (In Voa)

Poderá também achar interessante